Conteúdo marcado como caminho

O caminho menos trilhado

O caminho menos trilhado
Ricardo Gondim Preciso da divina companhia de quem se atreve acompanhar-me por uma rota deserta chamada vida. Firo, magoo e decepciono muitas vezes. Sofro se não expresso gratidão. Afasto gente querida. Atropelo companheiros. Como sei a dor de olhar para trás e ter remorso de não ter celebrado mais instantes, vez por outra luto para não lacrar as janelas da existência. Contudo, seguir na estrada menos pavimentada parece tanto meu […]

Quintessência

Quintessência
Yago Licarião, no Retalhos e Frestas Poesia é a pobre maneira de traduzir em palavras os mistérios da vida e da morte. Estupefatos, reduzimos a letras o incompreensível. Ora, toda palavra é mera fração, fragmento, sempre incompletas, nunca acabadas. Incapazes de abarcar as revelações sensoriais, nos contentamos com ínfimas definições, sentenciamos o inefável. Todo poeta soçobra em angústia, decai em descontentamento. Nem seus olhos, boca e mãos se mostram suficientes […]

A nudez e o avesso

A nudez e o avesso
Marina Silva Há 50 anos, um sistema ditatorial sequestrou a potência dos atos políticos no Brasil. Sob controle e censura, a política tornou-se expressão de impotência, terreno estéril onde só cresciam pequenas disputas, maledicências e mesquinharias. As boas ideias e o bom combate, arrancados do chão, resistiam nas frestas dos muros. A democracia restaurou a fertilidade. No chão da praça, outra vez do povo, reencontramos o poder de desejar. E […]

Papa Francisco: ‘sou feliz porque não sou desempregado’

Papa Francisco: ‘sou feliz porque não sou desempregado’
Em conversa com jovens belgas, pontífice disse, ainda, ter muita paz interior Publicado em O Globo O papa Francisco disse, durante uma entrevista informal divulgada neste sábado (5), que está feliz pelo fato de “ter um trabalho” e por ser alguém com “paz interior”, sentimento que, segundo ele, vem com a idade. A conversa informal aconteceu no início da semana, entre o religioso e jovens belgas, e acabou sendo divulgada […]

Depois de tudo…

Depois de tudo…
Ricardo Gondim Depois de tudo resta esse sentimento inominado muitas vezes confundido com tristeza. Fica a sensação de perda, o oco de algo que nunca ocupou totalmente. Sobra o medo de saber que nada bastará para preencher o vazio avassalador que o tempo sobrecarregou. Depois de tudo remanesce uma saudade, não do que aconteceu, apenas das pessoas que nos tocaram. Fica o desespero de não lembrar nome e de saber […]