Conteúdo marcado como crença

O ateu, o crente e o bicho-papão

Ed René Kivitz Outro dia alguém me enviou pelo twitter a seguinte pergunta: “quando vc era criança também acreditava em bicho-papão, por que deixou de acreditar?” Minha primeira reação foi ignorar a pergunta, formulada em tom de crítica a um tweet que postei testemunhando minha fé em Deus. Imaginei que o autor da pergunta não esperava resposta, apenas pretendia sugerir a estupidez da minha fé. Tive a mesma sensação que […]

O que é autoengano?

O que é autoengano?
Caio Fábio Se o conceito clássico de Insanidade é fazer sempre a mesma coisa aguardando um resultado diferente dos muitos anteriormente alcançados […] — então, Autoengano é fazer isto sem tal consciência consentida; ou seja: sem os jogos da sorte, como com frequência acontece com a Insanidade que faz a mesma coisa achando que terá resultados diferentes apenas porque, conquanto a coisa seja a mesma, o tempo é outro…; ou […]

Os mais devotos questionam mais Deus

Os mais devotos questionam mais Deus
Bernardo Staut, no Hype Science Questionar Deus e a religião são coisas comuns no mundo moderno. Mas agora, surpreendentemente, uma pesquisa revela que os que mais questionam são também os mais devotos. No geral, as pessoas que são muito religiosas têm mais tendência a dizer que não é certo estar bravo com Deus. Mas aqueles que descrevem sua relação com Deus como próxima e resistente à adversidades (um devoto, no […]

“É possível acreditar em Deus usando a razão”, afirma William Lane Craig

Marco Túlio Pires, na Veja on-line Quando o escritor britânico Christopher Hitchens, um dos maiores defensores do ateísmo, travou um longo debate nos Estados Unidos, em abril de 2009, com o filósofo e teólogo William Lane Craig sobre a existência de Deus, seus colegas ateus ficaram tensos. Momentos antes de subir ao palco, Hitchens — que morreu em dezembro de 2011. aos 62 anos — falou a jornalistas sobre a […]

Igreja, cemitério da lucidez

Igreja, cemitério da lucidez
Moisés Gomes, no blog  Mera palavra Quando olhamos para a história da civilização, nos deparamos com mitos que foram cridos, vivenciados e expirados com o tempo por ferir e vitimar seres vivos, seja animais ou humanos. Sacrifícios, ofertas e inimigos foram mortos por uma crença de tradição mística, baseada numa religião ou apenas numa cultura. O tempo passa, a evolução da consciência desponta, mas a cadeia que engrena o mito>obediência>barbárie, […]