Conteúdo marcado como Jorge Camargo

O sal da lágrima de amores naufragados

Feita em parceria com Gladir Cabral, Imensidão é uma canção que Jorge Camargo começou a escrever no fim da década de 90, e que Gladir concluiu. Tendo como foco o coração, ela também homenageia dois grandes poetas da nossa língua que como poucos descrevem os caminhos do coração: Fernando Pessoa e Adélia Prado. IMENSIDÃO Jorge Camargo e Gladir Cabral Você não faz ideia da imensidão Dos muitos rios que desembocam nesse […]

Fale de amor trocando os sons pelo silêncio

x Jorge Camargo canta “Fale do amor” no 1º Fórum de Cristianismo Criativo (2008), em São Paulo. A música faz parte de Somos um, projeto que une livro e CD publicado no mesmo ano pela IGrapho Editora. A obra mistura fragmentos biográficos, reminiscências, poesia e música, em um texto leve e envolvente, repleto de sentimento e emoção. Cada capítulo e canção revela um pouco da vida e da obra de […]

Jorge Camargo: ‘A felicidade é uma porta’

, Composta em parceria com Ricardo Gouvêa, esta canção do novo CD de Jorge Camargo é inspirada em uma frase do filósofo e teólogo dinamarquês Søren Kierkegaard (1813-1855): “A porta da felicidade abre só para o exterior; quem a força em sentido contrário acaba por fechá-la ainda mais”. Diferente de tudo o que já fez em 30 anos de música, no novo álbum “Tudo que é bonito de viver” Jorge faz […]