Conteúdo marcado como salvação

Maiara Barreto: modelo de paratleta que não foge da raia

Maiara Barreto: modelo de paratleta que não foge da raia
Brasileira chega em último, é aplaudida e lembra de como a natação salvou sua vida Gian Amato, em O Globo Ao cair da moto com 22 anos e ficar paraplégica, Maiara Barreto mergulhou em uma realidade distinta. A salvação veio da água. Em vez de largar tudo que gostava, resolveu afogar as mágoas e a imobilidade causada por uma lesão medular na natação. A paratleta paulista, que também trabalha como […]

Frei Betto: Páscoa, vitória de Jesus

Frei Betto: Páscoa, vitória de Jesus
Malgrado tanta miséria e desesperança, em Cristo temos a certeza da vitória da justiça Frei Betto, em O Dia Online A Páscoa é a principal festa das igrejas cristãs: celebra a ressurreição de Jesus. Em sua origem, a grande festa judaica comemora a libertação dos hebreus da escravidão no Egito, em 1250 a.C., sob o reinado do faraó Ramsés II. Curioso é que, ao contrário das religiões persas e mesopotâmicas, […]

Criança com bandeira do arco-íris desafia religioso nos EUA

Criança com bandeira do arco-íris desafia religioso nos EUA
Publicado no UOL Uma menina de 7 anos não se intimidou ao ver a pregação de um religioso contrário ao casamento gay em protesto nos EUA no último sábado (27), um dia após a Suprema Corte legalizar a união entre casais homossexuais em todo o território americano. Zea continuou sacudindo sua bandeira do arco-íris, um dos símbolos gays, enquanto o homem ficava falando sobre a “salvação de Jesus”. Ao perceber […]

Jesus salva – primeiro, os religiosos

Jesus salva – primeiro, os religiosos
Ricardo Gondim Entre as parábolas que Jesus contou, uma inquieta bastante. Eis a narrativa de Lucas 18.9: “Dois homens subiram ao templo para orar; um era fariseu e o outro publicano. O fariseu em pé, orava silenciosamente: ‘Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros homens: ladrões, corruptos, adúlteros; nem mesmo como este publicano. Jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo quanto ganho’. Mas […]

Quintessência

Quintessência
Yago Licarião, no Retalhos e Frestas Poesia é a pobre maneira de traduzir em palavras os mistérios da vida e da morte. Estupefatos, reduzimos a letras o incompreensível. Ora, toda palavra é mera fração, fragmento, sempre incompletas, nunca acabadas. Incapazes de abarcar as revelações sensoriais, nos contentamos com ínfimas definições, sentenciamos o inefável. Todo poeta soçobra em angústia, decai em descontentamento. Nem seus olhos, boca e mãos se mostram suficientes […]