Conteúdo marcado como universo

Mundo não acabará no dia 21, diz o Vaticano

Reverendo José Funes disse em artigo que ‘não vale nem a pena discutir os fundamentos científicos dessas afirmações’, que estão sendo divulgadas na internet Pulicado originalmente no Estadão O reverendo José Funes, astrônomo mais graduado do Vaticano, disse nesta terça-feira, 11, que o mundo não acabará no dia 21, apesar das supostas previsões feitas pelos maias. Funes escreveu um artigo ao jornal L”Osservatore Romano, do Vaticano, no qual disse que […]

Tirem Deus do dinheiro

Tirem Deus do dinheiro
Luís Antônio Giron, no site da Época O Ministério Público Federal pede que a expressão “Deus seja louvado” seja retirada das notas de real para garantir a liberdade religiosa. A frase deve ou não sair das notas de real ou a discussão é inútil? Os fundamentalistas cristão andam protestando em todo o país, exigindo que Deus continue representado nas cédulas. Os politeístas, ateus e crentes em outras seitas, além dos […]

As 50 melhores frases do Twitter em 2012

Car­los Wil­li­an Lei­te, no Jornal Opção Entre os meses de janeiro e outubro de 2012, pedimos a colaboradores, leitores e seguidores que enviassem as melhores frases publicadas no Twitter em 2012. Das centenas de frases recebidas, separamos 50 — política, economia, religião, literatura e, sobretudo, humor — que sintetizaram, em 140 caracteres, o sexto ano do Twitter. Mania que nego tem de dizer “então faz melhor” pra quem faz uma […]

Steiff: Urso de pelúcia salva o sonho de uma criança

Carlos Merigo, no B9 É brincando que uma criança aprende a interagir com o mundo, expressar emoções e sociabilizar com outras pessoas, ao mesmo tempo que estimula a inteligência, concentração, atenção, engajamento e a imaginação. Num universo com uma infinidade de brinquedos, dos clássicos aos high-techs, um bichinho de pelúcia continuará sendo sempre um bom companheiro. Principalmente na hora do sono. Pensando nisso, a marca alemã Steiff, fabricante de pelúcias desde […]

Azar ou sorte, eis a questão

Ricardo Gondim Não acredito em sorte, acredito em pessoas que dão sorte aos outros – e não tenho como negar, alguns trazem azar. Sou da opinião de que definimos destinos. Podemos ser pedra no caminho ou ponte sobre águas; fim de picada ou avenida de possibilidades; péssima memória ou saudade sorridente; causa de úlcera ou ombro amigo; responsáveis, de alguma forma, por rostos felizes ou por taquicardias. Curamos e produzimos […]